sábado, 27 de agosto de 2011

MEDICINA RECONHECE OBSESSÃO ESPIRITUAL.

................................

.........
...
Credito da imagem.-http://www.grupocorrentedobem.blogger.com.br/
......................................
.........

...........................................................................

“Cada mente é um verdadeiro mundo de emissão e recepção e cada qual atrai os que se lhe assemelham.”
(André Luíz)


“Em nossa casa mental
Por mais se mantenha alerta,
Obsessor só penetra
Quando encontra a porta aberta.”
(Eurícledes Formiga)
............
.............

................................

Tudo é uma questão de sintonia.

Os espíritos mais densos, trevosos, zombeteiros, estão sempre à espreita para se aproveitar dos momentos de desequilíbrio de uma pessoa.
A emanação de fluídos negativos destruidores levam uma pessoa à total desespero. Dependendo do grau de obsessão chega-se ao suicídio.
Quando espíritos menos felizes trabalham pela destruição através do pensamento o desequilíbrio se instala e num processo crescente vai minando suas forças, sua fé e sua capacidade de raciocínio.
A falta de vigília é a porta aberta para o caminho sinuoso e sombrio de um encarnado. Vale a pena lembrar que o trabalho das trevas também ocorre de espírito para espírito. Muitos são subjugados por aqueles que já desenvolveram técnicas de hipnotismo por exemplo.

Diminuir a vítima com palavras desanimadoras é uma forma que espíritos utilizam para deprimi-las.
Igualmente para colocá-las contra seus familiares e amigos.

Por este processo o lar de quem sofre esse tipo de influência torna-se insustentável. Brigas, ciúme, intrigas sem aparente explicação. Por uma frase mal formulada causa-se um transtorno entre os entes queridos.

O ataque desses espíritos não significa que a pessoa tenha alguma ligação com ela.
Existem aqueles que estão apenas se divertindo pela sua natureza medíocre.

O prazer de perturbar.

É através da mente que eles atuam. Uma mente voltada aos assuntos belicosos, libidinosos, ao sarcasmo, certamente atrairá espíritos afins que induziram a pessoa há um processo crescente de obsessão.
Através do médium Francisco Cândido o espírito Bezerra de Menezes disse que, quando o perturbado chega os perturbadores chegam antes.

A harmonia íntima e familiar depende muito de cada um.
Contribuir com formas pensamentos propícios à paz interior e exterior.
Ter sempre o controle das emoções e não permitir ser joguete da inferioridade.


......
........
Crédito de Imagem.-
http://www.caminhodedamasco.com/
.............
.............
.......
OBSESSÃO ESPIRITUAL RECONHECIDA PELA MEDICINA

Dr. Sérgio Felipe de Oliveira com a palavra:

Ouvir vozes e ver espíritos não é motivo para tomar remédio de faixa preta pelo resto da vida...

..........................

...........
Crédito de Imagem.
www.blogdaanne.loveblog.com.br
..............................


Até que enfim as mentes materialistas estão se abrindo para a Nova Era; para aqueles que queiram acordar, boa viagem, para os que preferem ainda não mudar de opinião, boa viagem também...

Uma nova postura da medicina frente aos desafios da espiritualidade.
Vejam que interessante a palestra sobre a glândula pineal do Dr. Sérgio Felipe de Oliveira, médico psiquiatra que coordena a cadeira de Medicina e Espiritualidade na USP:
A obsessão espiritual como doença da alma, já é reconhecida pela Medicina.
Em artigos anteriores, escrevi que a obsessão espiritual, na qualidade de doença da alma, ainda não era catalogada nos compêndios da Medicina, por esta se estruturar numa visão cartesiana, puramente organicista do Ser e, com isso, não levava em consideração a existência da alma, do espírito.

.....................
..................................

No entanto, quero retificar, atualizar os leitores de meus artigos com essa informação, pois desde 1998, a Organização Mundial da Saúde (OMS) incluiu o bem-estar espiritual como uma das definições de saúde, ao lado do aspecto físico, mental e social.

Antes, a OMS definia saúde como o estado de completo bem-estar biológico, psicológico e social do indivíduo e desconsiderava o bem estar espiritual, isto é, o sofrimento da alma; tinha, portanto, uma visão reducionista, organicista da natureza humana, não a vendo em sua totalidade: mente corpo e espírito.
Mas, após a data mencionada acima, ela passou a definir saúde como o estado de completo bem-estar do ser humano integral: biológico, psicológico e espiritual.

Desta forma, a obsessão espiritual oficialmente passou a ser conhecido na Medicina como possessão e estado de transe, que é um item do CID - Código Internacional de Doenças - que permite o diagnóstico da interferência espiritual Obsessora.

O CID 10, item F.44.3 - define estado de transe e possessão como a perda transitória da identidade com manutenção de consciência do meio-ambiente, fazendo a distinção entre os normais, ou seja, os que acontecem por incorporação ou atuação dos espíritos, dos que são patológicos, provocados por doença.

Os casos, por exemplo, em que a pessoa entra em transe durante os cultos religiosos e sessões mediúnicas não são considerados doença.

Neste aspecto, a alucinação é um sintoma que pode surgir tanto nos transtornos mentais psiquiátricos - nesse caso, seria uma doença, um transtorno dissociativo psicótico ou o que popularmente se chama de loucura bem como na interferência de um ser desencarnado, a Obsessão espiritual.

Portanto, a Psiquiatria já faz a distinção entre o estado de transe normal e o dos psicóticos que seriam anormais ou doentios.

O manual de estatística de desordens mentais da Associação Americana de Psiquiatria - DSM IV - alerta que o médico deve tomar cuidado para não diagnosticar de forma equivocada como alucinação ou psicose, casos de pessoas de determinadas comunidades religiosas que dizem ver ou ouvir espíritos de pessoas mortas, porque isso pode não significar uma alucinação ou loucura.

Na Faculdade de Medicina DA USP, o Dr. Sérgio Felipe de Oliveira, médico, que coordena a cadeira (hoje obrigatória) de Medicina e Espiritualidade.
Na Psicologia, Carl Gustav Jung, discípulo de Freud, estudou o caso de uma médium que recebia espíritos por incorporação nas sessões espíritas.

Na prática, embora o Código Internacional de Doenças (CID) seja conhecido no mundo todo, lamentavelmente o que se percebe ainda é muitos médicos rotularem todas as pessoas que dizem ouvir vozes ou ver espíritos como psicóticas e tratam-nas com medicamentos pesados pelo resto de suas vidas.

Em minha prática clínica (também praticada por Ian Stevenson), a grande maioria dos pacientes, rotulados pelos psiquiatras de "psicóticos" por ouvirem vozes (clariaudiência) ou verem espíritos (clarividência), na verdade, são médiuns com desequilíbrio mediúnico e não com um desequilíbrio mental, psiquiátrico.

(Muitos desses pacientes poderiam se curar a partir do momento que tivermos uma Medicina que leva em consideração o Ser Integral).
Portanto, a obsessão espiritual como uma enfermidade da alma, merece ser estudada de forma séria e aprofundada para que possamos melhorar a qualidade de vida do enfermo.

...............
.........
.
...........
..............

Sérgio Felipe de Oliveira é um psiquiatra brasileiro, doutor em Neurociências, mestre em Ciências pela USP (Universidade de São Paulo) e destacado pesquisador na área da Psicobiofísica.
A sua pesquisa reúne conceitos de Psicologia, de Física, de Biologia e de Espiritismo.

.....
............
.........
...........
Desenvolve estudos sobre a glândula pineal, estabelecendo relações com atividades psíquicas e recepção de sinais do mundo espiritual por meio de ondas eletromagnéticas.
Realiza um trabalho junto à Associação Médico-Espírita de São Paulo AMESP e possui a clínica Pineal Mind, onde faz seus atendimentos e aplica suas pesquisas.
Segundo o mesmo, a pineal forma os cristais de apatite que, em indivíduos adultos, facilita a captura do campo magnético que chega e repele outros cristais. Esses cristais são apontados através de exames de tomografia em pacientes com facilidade no fenômeno da incorporação.
Já em outros pacientes, em que os exames não apontam tais cristais, foi observado que o desdobramento fora facilmente apontado.
Segundo a revista Espiritismo & Ciência, "o mistério não é recente ¨.
Há mais de dois mil anos, a glândula pineal é tida como a sede da alma.
Para os praticantes da ioga, a pineal é o ajna chakra, ou o “terceiro olho”, que leva ao autoconhecimento.
.......................
Recebido por E-mail
acfkoga@hotmail.com
................................
Creditos de pesquisa-
Andrea Koga.
acfkoga@hotmail.com
Fonte: Radio Boa Nova
http://www.radioboanova.com.br/novo/noticia.php?NOTCODIGO=528&TAGDESCRICAO=
Colaboração de CEECAL-
Centro de Estudos Espírita Caminho da Luz.
.......................................................................
Texto de Osvaldo Shimoda.
........

................
........
Crédito de Imagem de OSWALDO SHINODA.
http://somostodosum.ig.com.br/mob/conteudo.asp?id=10294de g
.................
....
Osvaldo Shimoda é colaborador do Site, terapeuta, criador da Terapia Regressiva Evolutiva (TRE), a Terapia do Mentor Espiritual - Abordagem psicológica e espiritual breve canalizada por ele através dos Espíritos Superiores do Astral. Ministra palestras e cursos de formação de terapeutas nessa abordagem. Ele atende em seu consultório em São Paulo. Fone: (11) 5078-9051, ou acesse seu Site.
Email: osvaldo.shimoda@uol.com.br
...............................................................

-Outras imagens-Arquivo ADE-JAPÃO.
Edição de adpatação de textos e imagens-
Adalberto Prado de Morais
tioada@yahoo.com.br

PESQUISA ANDREA KOGA
acfkoga@hotmail.com

Um comentário:

  1. Lamento informar: http://hugolapa.wordpress.com/2013/01/30/medicina-nao-reconhece-a-obsessao-espiritual/ ;
    http://pt.scribd.com/doc/75945612/Dossie-Sergio-Felipe-de-Oliveira

    ResponderExcluir